O que você encontra aqui?

Coisas do mundo e conceitos da autora, que tem uma visão contemporânea do comportamento humano.

segunda-feira, 14 de dezembro de 2015

Entregando o coração ao amor perfeito


Isso se chama zelo. Acho que somente zelo define isso. Ou falta dele.

Epiderme ou miocárdio: eis a questão. MAS... NÃO estou falando de dar, somente. Receber. Ou não somente RECEBER. E sim DAR.

Tem gente que me “cansa a beleza”. O mundo está repleto de gente que se faz. 
Ou não sabe o que quer. 

Gente que se esconde. Tem como se proteger? Sinceramente, acho que não. Só se você se boicotar de qualquer sentimento, de qualquer relacionamento.

Sabe aquela de casar, ser amigo, relacionar-se só com seus grupos de conhecimento? É a solução para se proteger.

É isso? Claro que não, pessoa! Se na vida, não nos misturarmos, não ariscarmos, o que restará de novo, do novo?

Quando entregamos o coração, então?

Diz-se que amar se pode muitas vezes. E acho que sim. Mas acredite: sempre vai um pedaço de nós mesmos. E é por isso, que as pessoas têm tanto medo desse sentimento.
  
E POIS ENTÃO. A arte imita a vida. Veja a chamada da nova novela da Globo:" De todas as ligações entre um homem e uma mulher, a mais perigosa é o amor".

E EU DIGO: A que mete mais medo, a mais desejada e a mais procurada. E, ironicamente, aquela que as pessoas mais fogem.
  
Tudo tem um motivo. Tudo tem uma interpretação. A questão é: Qual interpretação? Feita por quem?

Isso é de tomar? É de comer? "Paciência"? Sabedoria não é fácil.
É uma construção. Por isso, filosofia oriental sempre é o canal. O caminho.

Pois não é? Pein Peclu Pesi Peve Pea Pefor Pema Pede Pees Pecre Pever.




Pessoas procuram por isso esquecendo que isso, é uma CONSTRUÇÃO. Mas para isso acontecer, tem que querer. E para isso começar, tem que investir. Crazy Adrenaline People.


É... beleza. Assim-assim. É que a maioria, só espera. Esquece mesmo, é de regar.

Nenhum comentário:

EBAAAA! Bom te ver!


Penso, logo, existo. E... se você está aqui, quer saber como eu penso. Se quer saber como eu penso, no mínimo, é curioso.


Curiosos ALOHA fazem bem para o mundo. Então, é nós no mundo, porque não viemos aqui a passeio!


Busco uma visão de longo alcance, sem aceitar verdades absolutas, preservando valores ALOHA, que são o ideal para um mundo mais honesto e verdadeiro.

Assuntos desse blog

Siga-me por email