O que você encontra aqui?

Coisas do mundo e conceitos da autora, que tem uma visão contemporânea do comportamento humano.

quarta-feira, 16 de dezembro de 2015

Nem jovem inculto. Nem velho sem tattoo.




Não somos muito jovens para sermos cultos

Uma das frases mais interessantes que você pode (e deve) dizer a um adolescente ou jovem:
"Porque o mundo NÃO começa quando a gente nasce".

E eu ainda acrescento:
Já ouvi de gente mais jovem do que eu (e ás vezes, até de mais velhos): "Isso não é do meu tempo", tentando mostrar que é jovenzinho. Não é "velho".

Você ser jovem é uma consequência e uma questão de tempo; mas não ter cultura é uma questão de escolha. ACULTURE-SE MAIS.

Nunca seremos muito velhos para sermos o que somos

TATUAGEM, dói? Dói, SIM! Ebaaaaaa!
Mas olha (como diz um de meus sobrinhos), SE LIGA NISSO:
- Ter filho dói? (claro)
- Aquilo dói? (ás vezes, sim)
- Silicone ou cirurgia plástica dói? (sempre, depois)
- Apaixonar-se dói? (sim, pode acontecer)
- Furar a orelha para usar brinco dói? (especialmente se inflamar)
- Brincar e arranhar o joelho dói? (só uma esfoladinha)
- Aprender dói? (sim, exige exercício do músculo do cérebro)
- Cair na realidade dói? (pode muito, mas nos liberta para novos caminhos)
Muitas coisas que dão prazer, doem. No corpo, na alma. Doem, mas passam.
E o que fica: experiência. Tatuada na pele ou na alma.
Pergunte a águia que troca suas garras, se dói. E pergunte a ela...
... (se conseguir, diga-me como) se depois ela não vive muito mais.
VIVER SEM EMOÇÃO, É NÃO VIVER.
MUDAR DÓI, mas pode gerar prazer. E que se possível, nada seja efemerizado.

Então, quando lhe perguntarem se tatuagem dói, diga: DÓI MESMO. Mas vale muito a pena. E f de PHODA! 

E não vamos cair no clichê da pergunta dessa imagem:


Nenhum comentário:

EBAAAA! Bom te ver!


Penso, logo, existo. E... se você está aqui, quer saber como eu penso. Se quer saber como eu penso, no mínimo, é curioso.


Curiosos ALOHA fazem bem para o mundo. Então, é nós no mundo, porque não viemos aqui a passeio!


Busco uma visão de longo alcance, sem aceitar verdades absolutas, preservando valores ALOHA, que são o ideal para um mundo mais honesto e verdadeiro.

Assuntos desse blog

Siga-me por email