O que você encontra aqui?

Coisas do mundo e conceitos da autora, que tem uma visão contemporânea do comportamento humano.

sábado, 22 de junho de 2013

Países que “quebram” (parte 2)



Tenso 2

O que é corrupção? Veja o que tirei da internet:


Corrupção vem do latim corruptus, que significa quebrado em pedaços. O verbo corromper significa “tornar pútrido”. A corrupção pode ser definida como utilização do poder ou autoridade para conseguir obter vantagens e fazer uso do dinheiro público para o seu próprio interesse, de um integrante da família ou amigo.


A corrupção é crime. Veja alguns itens que revelam práticas corruptas:

-Favorecer alguém prejudicando outros.
-Aceitar e solicitar recursos financeiros para obter um determinado serviço público, retirada de multas ou em licitações favorecer determinada empresa.
-Desviar verbas públicas, dinheiro destinado para um fim público e canalizado para as pessoas responsáveis pela obra.
-Até mesmo desviar recursos de um condomínio.


Atualmente existe uma organização internacional que tem como finalidade desenvolver pesquisas nos países para “medir” o nível de corrupção. A partir da pesquisa é feita uma classificação de acordo com a nota que vai de 0 a 10. Alguns dados revelam que o primeiro lugar com nota 9,7, que corresponde à margem de confiança, é a Finlândia; e o Brasil ocupa 54° com nota 3,9, margem de confiança 37-41%.

Não se trata apenas dos roubos e escândalos que vemos todos os dias nos governos do mundo, a corrupção é algo que está em todos aqueles que querem tirar vantagens ou passar a frente de forma privilegiada. Para podermos analisar a corrupção precisamos conhecê-la muito bem e ver que não são apenas os políticos que estão fazendo crescer este nome, muitos tem culpa por esse mal da humanidade. Mas onde está a corrupção que não parte só dos políticos?
Ao querer tomar a frente no trânsito, em uma fila, em não respeitar os acentos preferenciais em transportes públicos, em não devolver o troco dado errado, em prejudicar pessoas no seu trabalho para seu crescimento, dentre todas as outras coisas que fazemos todos os dias sem perceber ou percebendo, julgando serem atos “comuns” e que não tem diferença de quem tira vantagens em cargos políticos.
Como fazemos para nos livrar da corrupção?
É muito simples, respeite o meio ambiente, respeite as pessoas mais experientes, respeite o PRÓXIMO e respeite a você mesmo. O respeito parte dos princípios de honra e pessoas honradas não tiram vantagens em nada.
Sendo assim quando todos nós tivermos essa percepção de mundo sem corrupção quem sabe então a corrupção aos poucos não vá se esvaindo de todos os lugares do nosso mundo?
Pense nisso antes de julgar apenas os políticos como corruptos.



Logo, talvez você que critica os políticos, achando que SOMENTE ELES SÃO CORRUPTOS, também o seja. E sempre digo: se existem corruptos, alguém os corrompe. Quem será? Talvez você, eu, sei lá. Coloque o dedo na sua moleira. E de uma vez por todas, perca o:


Nenhum comentário:

EBAAAA! Bom te ver!


Penso, logo, existo. E... se você está aqui, quer saber como eu penso. Se quer saber como eu penso, no mínimo, é curioso.


Curiosos ALOHA fazem bem para o mundo. Então, é nós no mundo, porque não viemos aqui a passeio!


Busco uma visão de longo alcance, sem aceitar verdades absolutas, preservando valores ALOHA, que são o ideal para um mundo mais honesto e verdadeiro.

Assuntos desse blog

Siga-me por email