O que você encontra aqui?

Coisas do mundo e conceitos da autora, que tem uma visão contemporânea do comportamento humano.

sábado, 27 de junho de 2009

Scannear o cérebro



Tem pessoas que conseguem scannear o cérebro umas das outras. Quando isso acontece numa relação amorosa, é o complemento emocional. Basta a pessoa olhar prá você, que já sabe o que sente, o que quer e como quer. Complemento emocional. Lembre disso.

E quando acontece numa relação profissional, é o sucesso de uma ação. É a parceria perfeita.

Falando-se em stakeholders, fornecedores são um dos elos mais importantes numa relação de negócios. E quanto mais estratégica for a parceria, mais fundamental é esse SCANNEAR O CÉREBRO nos negócios. Scannear o cérebro minimiza processos, etapas, tempo e maximiza o sucesso nos negócios. Consequentemente representa sucesso profissional.

Na comunicação, a gente precisa scannear o cérebro das pessoas, e o podemos fazer a partir da observação dos comportamentos, livrando-se de preconceitos: todo tipo de conhecimento pode scannear o cérebro de um consumidor. E é ao consumidor que queremos atingir, na comunicação.

E a gente consegue scannear mentes brilhantes? O quanto se é brilhante? Afinal, existe inteligência emocional separada da lógica?

Pense sobre isso, não tenha preguiça. Eu não tenho as respostas. Mas posso ajudá-lo a pensar mais. E mais:

http://www.youtube.com/watch?v=rt4ZUH3M02E&feature=rec-HM-fresh+div

http://www.youtube.com/watch?v=VMOgqHM-70E

Testando seu cérebro (prá ver se vale a pena scanneá-lo):

http://www.natgeo.com.br/especiais/mente-brilhante/teste-a-sua-inteligencia.asp

http://www.gamesforthebrain.com/

E testando sua inteligência emocional:

http://www.cpsimoes.net/testeqie/testeqie.html

Mas seja rápido no scannear. Seja muito veloz nas observações e conclusões. Velocidade nos negócios é mais importante que tamanho. Ou tempo de atuação.

Nenhum comentário:

EBAAAA! Bom te ver!


Penso, logo, existo. E... se você está aqui, quer saber como eu penso. Se quer saber como eu penso, no mínimo, é curioso.


Curiosos ALOHA fazem bem para o mundo. Então, é nós no mundo, porque não viemos aqui a passeio!


Busco uma visão de longo alcance, sem aceitar verdades absolutas, preservando valores ALOHA, que são o ideal para um mundo mais honesto e verdadeiro.

Assuntos desse blog

Siga-me por email