O que você encontra aqui?

Coisas do mundo e conceitos da autora, que tem uma visão contemporânea do comportamento humano.

sexta-feira, 12 de junho de 2009

Alguém é jóia rara prá você?



Jóias raras
São aqueles a quem tornamos jóias raras
Aqueles a quem amamos
Aqueles com quem queremos construir uma vida


Jóias raras
São aqueles que na verdade
Não tem noção do quanto são raros para nós
Porque não perceberam o valor de nossa doação


Jóias raras
Pessoas na vida da gente
Seres pensantes
Seres atuantes
Seres amados
Mas que não percebem que, além de sua raridade
Ao nos emprestarem um pouco da sua alma
Também nos tornam raros


E de repente, como num vento
Desaparecem
Da mesma forma como apareceram
Deixando um pedaço de sua raridade
Na alma da gente


Jóias raras...
Vivemos num mundo em que simplesmente
Jóias raras passam desapercebidas
Desvalorizadas
Delas mesmas


Lapidadas, bem amadas
Muito amadas
Mas que não percebem
Que o amor é raro
E o consideram
Mais por palavras
Do que por atitudes


Mas continuam sendo raras
Enquanto dentro de nosso
CORAÇÃO
Dentro de nossa
MENTE
E talvez isso dure PRÁ SEMPRE


Jóias raras
Mas que apesar de serem raras
Precisam perceber
Que existem outras jóias
Tão raras quanto elas
Especialmente AQUELA
Que lhes ajudou a torná-las mais raras


E que juntas podem transformar o mundo, num lugar de jóias raras



E para ser útil, sugiro o site: http://abbra.com.br/pedraspreciosas.htm
Essa é uma homenagem ao dia dos namorados: comemorado, apreciado, idolatrado. Para aqueles(as) que tem namoradas(os), e aqueles(as) que desejam ter, e acreditam que existe um mundo melhor, mais honesto, de pessoas verdadeiras. Eu sou uma delas, que acreditam num mundo mais verdadeiro.

Um comentário:

Gedilson disse...

Pena que cada vez menos pessoas sabem reconhecer e valorizar o amor, muitas nem falam mais dele.
Quem visitar seu blog hoje poderá ter uma breve lembrança do que isso representa.
Texto muito bonito Dóris, parabéns.

EBAAAA! Bom te ver!


Penso, logo, existo. E... se você está aqui, quer saber como eu penso. Se quer saber como eu penso, no mínimo, é curioso.


Curiosos ALOHA fazem bem para o mundo. Então, é nós no mundo, porque não viemos aqui a passeio!


Busco uma visão de longo alcance, sem aceitar verdades absolutas, preservando valores ALOHA, que são o ideal para um mundo mais honesto e verdadeiro.

Assuntos desse blog

Siga-me por email