O que você encontra aqui?

Coisas do mundo e conceitos da autora, que tem uma visão contemporânea do comportamento humano.

domingo, 9 de abril de 2017

Escrever e interpretar é humano


Estou começando a achar que não. Errrrrrar não é HUMANO. E "menas" erros de português. PORFA!


Ok. Várias teorias das gerações tecnológicas e tudo o mais. Porém, e o conhecimento cultural do mundo? E a experimentação das situações?

Só uma solução, "a começar pelo começo": pais, ensinem história e cultura desde o berço. Estimulem isso em casa. Para que seus filhos não se tornem analfabetos culturais. E conseqüentemente, comportamentais.


Em tempo: Muito adulto é assim também. Mas a sua vantagem, é que aprendeu mais que essas gerações.

Na real, esse é um comportamento contemporâneo. O mesmo acontece em qualquer ambiente social. Vide restaurantes, shows, tudo. A tecnologia está em tudo, o tempo todo. Mas ela não pode ser O todo. Precisa ser o complemento ao todo.

Esse não é um comportamento jovem. A questão é que eles saíram perdendo em relação a nós. Nós nos adaptamos. Mas vivenciamos. Já eles, somente quando bem orientados. E como os "adultos" preferem ter comportamentos descolados, às vezes esquecem disso.

A tecnologia é maravilhosa. Mas é uma ferramenta. A experiência não precisa ser com ela o tempo todo. Já se percebe isso nas doenças comportamentais contemporâneas.


Escrever é interpretar o raciocínio. Se você escreve de forma inteligível, demonstra que tem um raciocínio claro. A leitura, a respiração e a correção vão ajudá-lo a escrever um bom texto. Frase. Não falo somente de erros de português. Falo da forma de escrever.

Óbvio que a interpretação vai depender de quem lê, pelo grau de cultura desse leitor. Mas escreva um texto empático: coloque-se no lugar do outro.

Amo pessoas quando leio textos claros. Amo de verdade. Escrever bem é afrodisíaco. E na Internet, uau! Em comentários... nossa! Vejo pérolas perfeitas escritas. Mas outras... lamentáveis. Tristes.


Meus ex alunos sabem, sempre lhes falei: querem ser bons executivos, empresários, colaboradores? Saibam escrever. Sejam claros. Interpretem o que escrevem. Sejam empáticos.

Tenho prazer de ler textos e comentários de amigos bem escritos. Já me apaixonei por gente que escreve bem. E confesso: sinto uma tristeza imensa quando vejo textos surrealmente errados.


Capriche em sua escrita. Ela é uma demonstração tangível, de seu raciocínio. Que o mesmo seja claro.


Problema de falta de atenção? Por um mundo com mais leitura. Escrita. Interpretação de texto. E menos cartazes.


E a vírgula? Quem comeu? Não entendo criaturas que não colocam ponto e nem vírgula em frases e ainda pretendem ser entendidas e ainda ficam bravas se você não entende bolhufas do que a criatura escreveu eita porra do caralho HELLO

Mas isso sim! Excelente! Agiliza processos e realiza as ações que são mais operacionais: https://www.buzzfeed.com/rafaelcapanema/100-conversas-que-vao-te-garantir-10-minutos-de-risadas

Medíocre não é ofensa. Vem de mediano, média. Se você é na média, medíocre é. E ponto: http://www.revistabula.com/7702-a-era-dos-idolos-mediocres/

Nenhum comentário:

EBAAAA! Bom te ver!


Penso, logo, existo. E... se você está aqui, quer saber como eu penso. Se quer saber como eu penso, no mínimo, é curioso.


Curiosos ALOHA fazem bem para o mundo. Então, é nós no mundo, porque não viemos aqui a passeio!


Busco uma visão de longo alcance, sem aceitar verdades absolutas, preservando valores ALOHA, que são o ideal para um mundo mais honesto e verdadeiro.

Assuntos desse blog

Siga-me por email