O que você encontra aqui?

Coisas do mundo e conceitos da autora, que tem uma visão contemporânea do comportamento humano.

quarta-feira, 31 de agosto de 2016

Bairrismo é limitante




Tem gente que leva isso muito a sério: ser humano.


Entendeu?

Eu curto os EUA. Sempre curti. Mas o que não curto, e tampouco nunca curti...
... seja do povo americano como de QUALQUER outro povo...
... sempre será a arrogância de julgar-se o melhor por ser desse ou daquele lugar.
Bairrismo sempre limita pessoas. E condiciona seu sucesso ao fatalismo de sua origem.

Veja essa cena do primeiro episódio da série The Newsroom da HBO, que ilustra o que não se deve fazer para não ser bairrista, entre outras muitas coisas (como separar um Estado do Brasil, por exemplo):


Nenhum comentário:

EBAAAA! Bom te ver!


Penso, logo, existo. E... se você está aqui, quer saber como eu penso. Se quer saber como eu penso, no mínimo, é curioso.


Curiosos ALOHA fazem bem para o mundo. Então, é nós no mundo, porque não viemos aqui a passeio!


Busco uma visão de longo alcance, sem aceitar verdades absolutas, preservando valores ALOHA, que são o ideal para um mundo mais honesto e verdadeiro.

Assuntos desse blog

Siga-me por email