O que você encontra aqui?

Coisas do mundo e conceitos da autora, que tem uma visão contemporânea do comportamento humano.

quinta-feira, 19 de novembro de 2015

Sexo é bom e todo mundo deveria gostar




Eu amo esse assunto. Sempre amei.
E lembre: "Faça amor, não faça guerra". 

Talvez por ser escorpiana, sempre lidei de forma bastante natural com relação ao assunto. Mas infelizmente, nem todo mundo é assim.

E infelizmente, o fato de algumas pessoas e grande parte não desenvolver legal essa área em sua vida, acaba gerando um grande problema que afeta todo o resto dos assuntos do mundo.

Ou seja: sua vida sexual interessa sim, a muitos.

Você produz mais, enxerga menos problemas fúteis na vida e é mais feliz.

Não ter uma vida sexual bem resolvida (e isso não representa a quantidade de vezes, mas a intensidade e a naturalidade que você dá a situação, ao ato em si), faz mal para a pele MESMO!

E não somente para a pele: para todo mundo que convive com você.

Pois afeta o todo.

Olha o que um baita cara, que morreu em Novembro de 1957, falava:

"O homem precisa, primeiro e acima de tudo, matar sua fome e satisfazer seus desejos sexuais. A sociedade moderna torna difícil a primeira e frustra a segunda."

"Há poucas coisas que o mundo necessita mais do que o conhecimento das funções orgone dentro e fora do organismo."

"A saúde psíquica depende da potência orgástica."

"O homem moderno é estranho à sua própria natureza."

Mas afinal, de quem estou falando?

Wilhelm Reich, foi um médico, psicanalista e cientista natural. Ex-colaborador de Sigmund Freud, rompeu com este para dar prosseguimento à elaboração de suas próprias idéias no campo da Psicanálise. Ele faleceu em Novembro de 1957 e sempre é atual!
Ele escreveu "A Função do Orgasmo", veja o livro:
Ele acredita que "Problemas econômico-sexuais são da energia biológica". Sim, quando diz-se que o sexo bem desenvolvido, de forma intensa e vibratória, tem verdadeiros poderes sobre a vida das pessoas, isso é vero. E da sociedade. Pessoas são a sociedade.
Ele também escreveu:

OU SEJA: Se pudermos lidar de forma mais natural com o sexo, o mundo ficará liberado de tantos problemas! O que são as funções organe, citadas pelo autor? Isso tem a ver com a energia desenvolvida através da pélvis. Veja, da internet:

"Reich foi um discípulo dissidente de Sigmund Freud, propôs a gênese da neurose como consequência dos conflitos de poder que se estabelecem nas relações sociais e suas implicações emocionais e psicológicas. Reich dava grande ênfase à importância de desenvolver uma livre expressão dos sentimentos sexuais e emocionais dentro do relacionamento amoroso maduro. Reich enfatizou a natureza essencialmente sexual das energias com as quais lidava e descobriu que a energia organe (de orgasmo) era bloqueada de forma mais intensa na pélvis. Embora divergindo de Freud, Reich deste não se apartou, na compreensão de que toda a psique humana deriva da compreensão das funções sexuais. Suas opiniões radicais a respeito da sexualidade resultaram em consideráveis equívocos e distorções de seu trabalho por autores futuros e, conseqüentemente, despertaram muitos ataques." E veja isso: "Analisando os efeitos da respiração no ato sexual sobre o indivíduo, Reich chegou à conclusão que seu uso harmonizaria o corpo físico, com implicações na própria mente, normalizando o fluxo de trocas com o meio, pela correta absorção do orgônio."

O que também me estimulou a escrever foi a leitura da News do:
http://www.namaste.com.br/bioenergetica/o-que-e-bioenergetica/

Realmente, sexo é a maior fonte de energia e prazer do ser humano. E a grande vantagem, é que é de graça. Ou nem sempre. Ei, pessoa: saiba viver mais o sexo. Tesão é uma delícia e pode terminar em sexo. Good luck in every time! VIVENCIE-SE. PERMITA-SE! E muuuuuuito prazer! Hello.
O autor de "Faça amor, não faça guerra", foi John Lennon. Por querer ou sem querer, ele foi um sábio!

Nenhum comentário:

EBAAAA! Bom te ver!


Penso, logo, existo. E... se você está aqui, quer saber como eu penso. Se quer saber como eu penso, no mínimo, é curioso.


Curiosos ALOHA fazem bem para o mundo. Então, é nós no mundo, porque não viemos aqui a passeio!


Busco uma visão de longo alcance, sem aceitar verdades absolutas, preservando valores ALOHA, que são o ideal para um mundo mais honesto e verdadeiro.

Assuntos desse blog

Siga-me por email