O que você encontra aqui?

Coisas do mundo e conceitos da autora, que tem uma visão contemporânea do comportamento humano.

quarta-feira, 21 de outubro de 2015

Os que erram e a INjustiça



Afinal de contas, quem é o culpado pelo erro?

Esse conceito tem a ver com quem erra e quem sofre com o erro. Vivemos em constante dilema: será que somos os culpados?
É o que acontece também, com a pessoa que sofre o assalto, o estupro.
Com certeza, sempre existirá alguém (ignorante, diga-se de passagem) que dirá:
"É, mas você estava provocando... não deveria ter passado por lá, vestido tal roupa..."
O erro é culpa de quem o comete. Nunca de quem o fez. Lembre disso.


E esse, é um erro?
Ich... vai ter gente que vai ter dificuldade de dirigir novamente.
Nunca esquecerei (o que rendeu boas risadas em sala de aula), quando em um dia qualquer, em uma determinada turma, perguntei:
"People, quantos na sala fumam?" Logo... duas pessoas levantaram a mão.
Perguntei de novo:  "Sério, só duas pessoas de 50? Puxa, o número é relativamente bom, baixo."
Então... um aluno, daqueles que a gente não esquece nunca mais, disse:
"Dóris, Profe... é que você não perguntou o que se fuma... que tipo de cigarro..."
A sala foi uma risada só. E é claro, eu não precisei fazer nenhuma outra enquete depois DESSA RESPOSTA.
EITA. Só rindo mesmo.

EITA 2, que justiça. INjustiça. Triste vida real. Que não é ficção.

E os erros do mundo não param. Você acredita...

... que tem quadrilhas de ladrões roubando as casas...


... dos desabrigados das enchentes?
Pois é incrível onde a maldade e o oportunismo humanos podem chegar.
Me lembra o Zeca Urubu, inimigo oportunista do Pica Pau.
Absurdamente surreal e desprezível. Triste e lastimável.

Nenhum comentário:

EBAAAA! Bom te ver!


Penso, logo, existo. E... se você está aqui, quer saber como eu penso. Se quer saber como eu penso, no mínimo, é curioso.


Curiosos ALOHA fazem bem para o mundo. Então, é nós no mundo, porque não viemos aqui a passeio!


Busco uma visão de longo alcance, sem aceitar verdades absolutas, preservando valores ALOHA, que são o ideal para um mundo mais honesto e verdadeiro.

Assuntos desse blog

Siga-me por email