O que você encontra aqui?

Coisas do mundo e conceitos da autora, que tem uma visão contemporânea do comportamento humano.

quarta-feira, 27 de julho de 2016

Terra Zumbilis



Tenho visto muito essa frase nas redes sociais.
Isso nada mais é do que o reflexo de um triste pensamento fútil e egoísta, uma espécie de consolo:
"Não invista tempo em quem não merece, em quem não fez nada para permanecer ao seu lado ou para lutar por você.
Abra o caminho e ofereça liberdade para essa pessoa, deixe-a ir.
Porque não vale a pena lutar contra a corrente, porque toda porta que se fecha, é uma oportunidade que se abre."
Definitivamente, pessoas vazias de um triste tempo líquido.
E a questão não é que essa visão esteja errada, a questão é mais ampla.
Na verdade, só chegamos a isso como defesa. A questão em pauta, é a futilidade das relações. O vazio e a covardia em não vivê-las de forma inteira e efetivamente, verdadeira. Comprometida.

Mas sim... que existem pessoas vazias e ingratas... sim, existem muitas. Triste isso. Demais.
Pessoas que mais cedo ou mais tarde... acabam sendo enganadas, manipuladas e decepcionadas por quem menos esperavam ser.
E que, ao final das contas... com o passar dos anos, percebem o quanto de vida deixaram de viver e fizeram outros deixar de viver.
Decepcionantes tempos líquidos. Decepcionantes e tristes.
E o pior... é que quanto mais velhos os seres são... menos maturidade emocional têm. Somos zumbis de sentimentos.


#ficaadica:naoqueramarnaofazamar

Nenhum comentário:

EBAAAA! Bom te ver!


Penso, logo, existo. E... se você está aqui, quer saber como eu penso. Se quer saber como eu penso, no mínimo, é curioso.


Curiosos ALOHA fazem bem para o mundo. Então, é nós no mundo, porque não viemos aqui a passeio!


Busco uma visão de longo alcance, sem aceitar verdades absolutas, preservando valores ALOHA, que são o ideal para um mundo mais honesto e verdadeiro.

Assuntos desse blog

Siga-me por email